Exame de sangue para saber o sexo do bebê

Uma das formas de saber o sexo do bebê com bastante antecedência é realizar um exame de sangue, chamado sexagem fetal, logo a partir da 8ª semana de gestação.

A gestante não precisa de fazer jejum ou outro preparo para fazer o exame de sexagem fetal. Além disso, o exame não precisa ser pedido pelo médico para ser feito, mas também não é realizado pela rede pública, nem é coberto pelos planos de saúde.


Resultado do exame de sexagem fetal

O resultado do exame de sexagem fetal é liberado em até 07 dias ou 48 horas (caso opte pela sexagem fetal de 48h). (consultar condições) Além disso, você também conta com o Kit Revelação, um brinde especial do DNA Center para surpreender ainda mais você!

Resumidamente, como funciona o exame de sexagem fetal?

 

A mulher tem dois cromossomos sexuais X e o homem tem um X e um Y. Se no DNA do feto a partir do sangue da mamãe for encontrado um cromossomo Y pode-se dizer que será um menino. Se não houver esse cromossomo, será uma menina.

No caso de gêmeos univitelinos, idênticos, o teste é válido para os dois bebês. Se o exame der menino, os dois bebês serão meninos. Se der menina, os dois bebês serão meninas. Gêmeos idênticos têm o mesmo DNA e, por isso, o mesmo sexo. Em gêmeos fraternos, bivitelinos, o resultado positivo para “Y” significa que ao menos um dos gêmeos será menino. Se o resultado der ausência de cromossomo “Y” pode-se dizer que ambas são meninas.

A Sexagem Fetal tem quase 100% de acerto se for realizado a partir da oitava semana gestacional. Antes há maior risco de erro.

O exame da Sexagem Fetal pode dar errado caso a mamãe já tenha recebido transfusão de  sangue ou transplantado um órgão de outro homem nos últimos 6 meses. Além disso, pacientes em uso de clexane também devem informar a condição, pois pode ser um interferente no teste.

Saiba mais informações: (84)4007-2595