Buscar

Testes RT-PCR realizados pelo DNA Center abrangem novas mutações do coronavírus

Por atuar em mais de uma estrutura do vírus, o teste RT-PCR aplicado pelo DNA Center não é limitado pelas novas cepas.



O surgimento de novas cepas mutantes do novo Coronavírus tem gerado dúvidas e comentários sobre a efetividade dos testes de detecção do SARS-CoV-2 nessas variantes. Em função disso, o laboratório DNA Center vem a público esclarecer que trabalha exclusivamente com kits cuja abrangência de detecção inclui as novas cepas mutantes, popularmente conhecidas como a da Inglaterra, da Dinamarca e a variante brasileira (Amazonas).


Conforme explica a sócia-diretora do DNA Center, Dra. Andréa Fernandes, “os testes realizados em nosso laboratório estão na categoria multiplex, ou seja, estudam mais de uma região do vírus, não havendo implicações, portanto, dessas mutações que limitem a sua capacidade de detecção”.


Ela informa que já foram realizados e documentados diversos testes que comprovam a eficácia do RT-PCR multiplex na detecção do SARS-CoV-2 e de suas novas cepas mutantes, inclusive.


558 visualizações0 comentário