Buscar

Por que é importante doar sangue nas férias


Dezesseis brasileiros em cada mil são doadores de sangue, o que representa 1,6% do total da população. A estimativa é de que 66% dessas doações sejam espontâneas, ou seja, de pessoas que buscam os centros de doação voluntariamente. A média de doações no país está dentro da meta da Organização Mundial de Saúde (OMS), que preconiza que entre 1% e 3% dos habitantes de um país sejam doadores de sangue.

Segundo o Ministério da Saúde, nos últimos anos, as taxas de doação ficaram estáveis, o que demonstra uma conscientização da população. No entanto, o governo reforça que é necessário fortalecer as ações que estimulam a doação voluntária para manutenção dos estoques no país.

Em especial no período de férias, períodos em que se tem uma baixa de estoque de sangue, é preciso ampliar as ações para levar o público aos hemocentros. Nesses momentos, as pessoas mudam suas rotinas, viajam ou aproveitam para descansar. Então é importante fazer a doação de sangue antes de viajar.

Segundo o último balanço do Ministério da Saúde, em 2017, foram coletadas 3,4 milhões de bolsas de sangue e realizadas 2,8 milhões de transfusões. Desse total, 34% correspondem à doação de reposição – quando o indivíduo doa para atender à necessidade de um paciente específico.

Fonte

#doação #sangue #doar #inverno #laboratoriodnacenter #LaboratórioDNACenter #analisesclinicasnatal #AnalisesClinicasNatal

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo